segunda-feira, 15 de agosto de 2022

Cartão TOP já é aceito em ônibus municipais de Taboão da Serra

Passageiros do sistema municipal de ônibus já podem usar o Cartão TOP nos ônibus municipais de Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Por enquanto, apenas parte da frota aceita o novo cartão.

Cartão TOP já é aceito em ônibus municipais de Taboão da Serra

 A implantação vêm meses após o Governo de São Paulo anunciar o fim do Cartão BOM, que também era usado nos ônibus de Taboão.

De acordo com informações obtidas pelo Portal Linhas Metropolitanas, a princípio, cerca de metade da frota já conta com a tecnologia para pagamento por meio do TOP. A previsão é de que 100% da frota de Taboão da Serra já estará apta a receber o TOP dentro de uma semana.

A instalação dos novos validadores vem após a conclusão da alocação dos mesmos por parte da Viação Pirajuçara em seus ônibus do sistema EMTU. Os passageiros podem comprar créditos para o TOP pelo app para Android e IoS e pelo WhatsApp da Autopass. No caso das recargas feitas pela Internet, o sistema pode demorar até 48 horas para liberar o saldo no cartão.

Fonte:  Portal Linhas Metropolitanas


sábado, 25 de junho de 2022

COTIA: UBS do Mirizola deixa a desejar no atendimento

UBS – Unidade Básica de Saúde do Parque Miguel Mirizola foi reinaugurada há cerca de dois anos, anunciada pela Prefeitura de Cotia como 100% digital e que atenderia com eficiência todos os moradores do bairro e arredores.

UBS do Mirizola deixa a desejar no atendimento, diz moradora


Mas, segundo os pacientes, a situação é bem diferente nos dias de hoje, com o atendimento considerado péssimo por quem precisa dos serviços da unidade de saúde. Uma moradora enviou o seguinte relato:

Gostaria de fazer uma reclamação referente ao péssimo atendimento que temos em relação a UBS Mirizola. Há alguns anos o atendimento se dava em um espaço nada adequado, pois bem, construíram um espaço ótimo criando no povo boas expectativas, que infelizmente foram e são frustradas diariamente.
-Dentista: desde a inauguração nunca tivemos (a gente ouve dos próprios funcionários que foi apenas política) e não tem previsão de quando vai abrir pra população.
-Agenda dos médicos e exames tem sempre abertura no início do mês, pedem pra ligar ou ir até a unidade pra ver se já abriu, uma total falta de respeito, porque temos de faltar no trabalho até acertar o dia da abertura, porque telefone não atende nunca. Quando vamos até lá as vagas já acabaram.
-Os encaminhamentos para os especialistas nunca acontecem.
Pra marca pediatra é só pra crianças menores de 2 anos, como assim?
-Atendimento dos funcionários em sua maioria é sempre muito superficial, ríspido e grosseiro. Falam que eles tem muito serviço para poucos funcionários, estão sobrecarregados (ou seja que devemos estar por satisfeitos pelo péssimo atendimento).
Será que existe um órgão que faz fiscalização dos serviços prestados à saúde pública de Cotia? Será que esse problema é só nesta UBS ou é padrão Cotia? Precisamos de atenção por aqui! Precisamos que os atendimentos funcionem!”

A reclamação da moradora foi enviada para a Secretaria da Saúde na manhã desta quinta-feira (23), que enviou a seguinte nota:
A Secretaria de Saúde de Cotia informa que presa pelo bom atendimento e acolhimento da população e, para que todas as queixas de munícipe sejam apuradas, solicita que seja aberta uma reclamação referente aos profissionais na Ouvidora Municipal para que as medidas cabíveis sejam adotadas. Oportuno esclarecer que as agendas de consultas médicas são configuradas no sistema pela coordenação médica, e os profissionais da recepção, responsáveis pelo agendamento são orientados a seguir os protocolos de periodicidade das consultas, conforme preconizado pelo Ministério da Saúde. Informo ainda que a Secretaria de Saúde está em processo de contratação de profissionais para Atenção Básica, inclusive dentista, para ampliar a assistência à população.


Fonte: Jornal Agora

sábado, 11 de junho de 2022

COTIA: SETRAM IMPLANTA LINHA EXPERIMENTAL RECANTO VERDE X TERMINAL COTIA

Entrou em operação a linha municipal 240 – Recanto Verde x Terminal Cotia. A nova linha foi implantada pela Secretaria de Transportes e Mobilidade (Setram) de Cotia em caráter experimental e, nesta fase, vai operar de segunda a sexta-feira (dias úteis) com uma viagem de saída pela manhã e uma viagem de retorno, à tarde [veja abaixo].

 Linha municipal 240 – Recanto Verde x Terminal Cotia

De acordo com o titular da pasta, Joaquim Brechó, a linha foi implantada a pedido de moradores. “O bairro Recanto Verde cresceu muito nos últimos anos e começamos a receber este pedido por parte de moradores, o prefeito Rogério Franco pediu para que estudássemos a possibilidade de implantação da linha. Foi feito um estudo de viabilidade, traçamos o itinerário e começamos a operar em caráter experimental. Faremos o acompanhamento pelas próximas semanas e ajustaremos conforme necessário”, explicou.

 

Linha 240 – Recanto Verde x Terminal Cotia

Viagem de ida – Recanto Verde x Terminal Cotia

Saída 6h: Rua das Mangabeiras

Itinerário: Rua Piuva | Rua das Perobas | Rua  dos Mognos | Rua das Gabirobas | Rua Taquaral | Rodovia Raposo Tavares | Estr. Acácio Antônio Batista | Rua Antônio Frederico Ozanan | Estr. do Morro Grande | Av. Prof. Joaquim Barreto | Rua amador Antônio dos Passos | Rua Guido Fecchio | Av. Antônio Mathias de Camargo | Av. Nossa Senhora de Fátima | Rua Eng. Leon Psanquevich

Viagem de volta – Terminal de Cotia x Recanto Verde

Saída 17h25: Terminal de Cotia

Itinerário: Rua Khatar Name | Rua Prof. José Barreto | Rua Eng. Leon Psanquevich | Rua Prof. José Barreto | Rua Senador Feijó | Rua Lopes de Camargo | Rua Dez de Janeiro | Av. Prof. Joaquim Barreto | Estr. Acácio Antônio Batista | Rodovia Raposo Tavares | Rua Taquaral | Rua Carnaúba | Rua dos Mognos | Rua das Perobas | Rua Piuva | Rua das Mangabeiras

Fonte: PMC

quarta-feira, 18 de maio de 2022

BRASIL: INSS usará robôs para agilizar a fila por recursos previdenciários

 Em portaria publicada nesta segunda-feira (16), o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) alterou a 

gestão dos recursos administrativos de segurados que têm pedidos de concessão de benefícios negados.

 Agora, para melhorar a instrução processual dos recursos, um robô será utilizado pelo órgão.

INSS usará robôs para agilizar a fila por recursos previdenciários

  • O INSS publicou a medida nesta segunda-feira;

  • A medida atuará na gestão dos recursos administrativos de segurados que têm pedidos de concessão negados;

  • Atualmente, somente o encaminhamento pode levar até 8 meses.

 A mudança estipulada pela portaria 4.413 visa agilizar o trâmite administrativo para a análise dos recursos.

A ideia é que o Conselho de Recursos da Previdência Social dirija instrução processual dos recursos administrativos, por meio de um robô, . No momento, foi instituído um grupo de trabalho e o desenvolvimento do sistema com o objetivo de automatizar o processo. Ainda não há previsão para a implementação do novo sistema.

No caso dos recursos administrativos, os robôs não vão analisar os pedidos, segundo Adriane Bramante, presidente do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário (IBDP). A medida visa em princípio integrar os sistemas como o sistema Gerenciador de Tarefas, e juntar no Sistema Eletrônico de Recursos (e-SisRec) os documentos necessários a cada processo.

Hoje, antes da automação, são anexados de forma manual documentos como: a cópia do processo administrativo, laudo da perícia médica e análise da perícia, formulários de insalubridade e todos os documentos referentes ao cumprimento de exigência.

Para a presidente do IBDP, a desintegração entre os sistemas de análise de recursos é o principal motivo para a existência da "fila invisível" dos recursos previdenciários. Segundo ela, em alguns casos, somente o encaminhamento pode levar até 8 meses, para somente depois ser analisado e julgado pelos conselheiros. Bramante também destaca que, neste caso, o papel do robô não é analisar o recurso, e sim fazer a integração entre os sistemas e juntar ao processo todos os documentos necessários.

Segundo os cálculos do IBDP, cerca de 1,7 milhão de recursos estão em fase inicial. Para a presidente do instituto, a implementação da medida pode reduzir a judicialização:

"Hoje muitos segurados que tiveram o pedido negado e entraram com recurso administrativo entram com um mandado de segurança pedindo que o processo seja destravado." afirma Bremante.


Fonte: Yayoo Finanças


COMBUSTÍVEIS: Redução de frota em linhas da EMTU segue em ao menos 9 cidades da RMSP

Ônibus andam mais cheios desde o início da semana após redução na frota de algumas linhas da EMTU. Foto Natan C.


A redução de frota que atinge linhas da EMTU nesta semana segue ocorrendo em ao menos seis cidades da Grande São Paulo. Ela ocorre desde as primeiras horas de segunda-feira, quando o corte atingiu várias regiões. O movimento acontece devido aos últimos aumentos no preço do diesel.

De acordo com os relatos que apuramos, seguem com menos ônibus parte das cidades de Arujá, Guarulhos, Cajamar, Santana de Parnaíba, Osasco, Barueri, Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato. Apuramos ainda que a situação está mais estável em Taboão da Serra e Juquitiba.

A medida adotada por companhias operadoras de linhas da EMTU na Grande São Paulo veio após o novo aumento no preço do diesel, comunicado pela Petrobras. O composto subiu mais de 8% no fim da última semana. De acordo com apuração feita pelo G1, o insumos já acumula alta de mais de 40% somente esse ano.

Por outro lado, a receita do sistema de ônibus paulista sofreu quedas ao longo da pandemia de COVID-19. Isso ocorreu por conta da diminuição de passageiros transportados desde a chegada da doença. Além disso, o governo do estado não liberou verbas para cobrir o rombo, como fizeram algumas cidades. Com isso, as empresas alegam dificuldades para adquirir o combustível e seguir com a operação habitual.

Em nota, a EMTU diz que não autorizou a redução e que vai multar as empresas que operarem com menos ônibus do que o programado.

Vejam também: 

Usuários sentem corte de horários em linhas da EMTU nesta segunda; motivo seria alta do diesel

EMTU diz que não autorizou redução de frota que ocorreu na Grande SP


Fonte: Linhas Metropolitanas

terça-feira, 10 de maio de 2022

EMTU: Linhas metropolitanas serão integradas no Terminal Vila Sônia a partir de 14 de maio

 

Com operação do Metrô Vila Sônia em período integral, passageiros das linhas da EMTU terão acesso mais rápido aos trilhos; tarifa será reduzida para 53% dos usuários

visualizador






A partir do próximo sábado, 14 de maio, 24 linhas gerenciadas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU/SP) passarão a ter ponto final no Terminal Vila Sônia, com o início do funcionamento em horário integral da nova estação do metrô da Linha 4-Amarela, operada pela concessionária ViaQuatro.

O anúncio foi feito nesta segunda-feira (9) pelo governador Rodrigo Garcia durante agenda do Governo na Área em Taboão da Serra, ocasião na qual foi autorizado o início da operação comercial da estação Vila Sônia, das 4h40 à meia-noite. “As novas medidas vão exigir uma reorganização no transporte da região e estamos com linhas sendo revistas”, informou o governador. “Agora, a EMTU está autorizada a redesenhar as linhas da região, para saber o que é mais econômico e o que atende a nossa população. Tem 11 linhas que vão reduzir a tarifa porque agora são linhas mais curtas”, anunciou Rodrigo Garcia.

A mudança acontecerá em três etapas ao longo deste mês: serão alteradas, inicialmente, nove linhas com menor demanda de passageiros no dia 14/05, cinco linhas no dia 21/05 e 10 linhas com maior fluxo de usuário no dia 28/05.

A medida tem a finalidade de melhorar as condições de trânsito e a fluidez do transporte, seguindo a reorganização do sistema metropolitano e possibilitando aos passageiros o acesso mais rápido à rede metro-ferroviária a partir da recém-inaugurada estação, que vinha funcionando em operação assistida, das 10h às 13h, de segunda a sexta-feira, exceto feriados.

Onze dessas linhas terão redução no valor da tarifa, que variam de R$ 0,15 a R$ 0,65, beneficiando aproximadamente 53% do total de 65 mil passageiros que fazem diariamente esses itinerários. Os usuários continuam contando com desconto de R$ 1,50 na tarifa dos ônibus intermunicipais à nova estação da Linha 4 – Amarela com o cartão TOP. Os passageiros que ainda não possuem o cartão de transporte, devem acessar o site www.boradetop.com.br para solicitá-lo.

Estão contempladas na alteração do ponto final, linhas que atendem Itapecerica da Serra, Embu das Artes, Taboão da Serra, Osasco, Carapicuíba e Barueri, e que tinham como destino os terminais São Paulo-Morumbi, Butantã e Largo da Batata, em Pinheiros. Os usuários que se deslocavam de ônibus até a região de Pinheiros, chegarão 20 minutos mais rápido ao destino final utilizando o metrô.

Outras quatro linhas de Itapevi, Carapicuíba e Cotia terão alteração de destino final para os terminais Morumbi ou Butantã. As alterações estão sendo comunicadas adiantadamente aos usuários por meio do site e redes sociais da EMTU, de cartazes afixados nos ônibus e nos terminais, além de avisos sonoros nas estações. 

Os serviços com alteração de ponto final são os relacionados a seguir, com as respectivas tarifas:

Linhas que terão ponto final no Terminal Vila Sônia:

ETAPA 1 – Linhas alteradas para Vila Sônia em 14/05 (sábado)

033 - Embu das Artes (Engenho Velho)/ São Paulo (Metrô Morumbi): redução de tarifa de R$ 5,80 para R$ 5,65

124 - Embu das Artes (Jardim Santo Eduardo)/ São Paulo (Metrô Morumbi): tarifa de R$ 5,15 será mantida

128 - Embu das Artes (Jardim do Colégio)/ São Paulo (Metrô Morumbi): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

241 - Taboão da Serra (Parque Jacaranda)/ São Paulo (Metrô Morumbi): tarifa de R$ 5,15 será mantida

356 - Taboão da Serra (C.S.U.)/ São Paulo (Metrô Morumbi): tarifa de R$ 5,15 será mantida

511 - Embu das Artes (Jardim Santo Antônio)/ São Paulo (Metro Morumbi): tarifa de R$ 5,80 será mantida

823 - Osasco (Recanto Das Rosas)/ São Paulo (Metrô Morumbi): tarifa de R$ 5,20 será mantida

835 - São Paulo (Metrô Morumbi)/ Barueri (Alphaville/Green Valley): tarifa de R$ 6,20 será mantida

841 - Embu das Artes (Jardim Valo Verde)/ São Paulo (Metrô Morumbi): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

ETAPA 2 - Linhas alteradas para Vila Sônia em 21/05 (sábado) 

089 - Taboão da Serra (Jardim São Judas Tadeu)/ São Paulo (Metrô Butantã): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

191 - Taboão da Serra (Parque Pinheiros)/ São Paulo (Metrô Butantã): tarifa de R$ 5,15 será mantida

272 - Embu das Artes (Terminal Casa Branca)/ São Paulo (Metrô Butantã): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

404 - Osasco (Novo Osasco)/ São Paulo (Metrô Butantã): tarifa de R$ 5,20 será mantida

492 - Carapicuíba (Parque Jandaia)/ São Paulo (Metro Butantã): tarifa de R$ 5,45 será mantida

ETAPA 3 - Linhas alteradas para Vila Sônia em 28/05 (sábado) 

032 - Itapecerica da Serra (Parque Paraíso)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 5,80 será mantida 

032DV1 - Itapecerica da Serra (Parque Paraíso)/ São Paulo (Pinheiros) via Embu das Artes (Centro) - Noturno: tarifa de R$ 5,80 será mantida

068 - Taboão da Serra (Parque Laguna)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 5,15 será mantida

078 - Embu das Artes (Parque Pirajussara)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,80 para R$ 5,15

079 - Taboão da Serra (Jardim São Judas Tadeu)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

090 - Embu das Artes (Terminal Casa Branca)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

125 - Embu das Artes (Jardim São Marcos)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,70 para R$ 5,15

125BI1 - Embu das Artes (Jardim Nossa Senhora de Fátima)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,55 para R$ 5,15

300 - Taboão da Serra (Jardim São Judas Tadeu)/ São Paulo (Pinheiros): redução de tarifa de R$ 5,65 para R$ 5,15

510 - Embu das Artes (Jardim Vazame)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 5,15 será mantida

Linha que terá ponto final alterado para o Terminal Morumbi:

A partir de 21/05 (sábado):

422 - Itapevi (Vila Nova Esperança)/ São Paulo (Metrô Butantã): tarifa de R$ 7,15 será mantida

Linhas que terão ponto final alterado para o Terminal Butantã:

A partir de 28/05 (sábado):

329 - Carapicuíba (Vila Menck)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 6,55 será mantida

396 - Cotia (Terminal Metropolitano Cotia)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 6,70 será mantida

488 - Carapicuíba (Vila Menck)/ São Paulo (Pinheiros): tarifa de R$ 6,55 será mantida

Informações adicionais sobre os novos itinerários das linhas podem ser obtidas no site www.emtu.sp.gov.br ou no aplicativo EMTU Oficial, disponível para iOS e Android.

Sobre a EMTU - Vinculada à Secretaria dos Transportes Metropolitanos, a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU) é controlada pelo Governo de São Paulo. Fiscaliza e regulamenta o transporte metropolitano de baixa e média capacidade nas cinco regiões metropolitanas do Estado: São Paulo, Campinas, Sorocaba, Baixada Santista e Vale do Paraíba / Litoral Norte. Juntas, as áreas somam 134 municípios.



Fonte:  EMTU/SP

quinta-feira, 21 de abril de 2022

COTIA e mais nove cidades da RMSP aumentam a passagem de ônibus.

E o aumento veio, Cotia, Itapevi, Carapicuiba, Barueri, Cajamar, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba e São Roque.

COTIA / Caucaia do Alto : Horários e
Itinerários do transporte municipais


Após várias cidades da região anunciarem o aumento, Cotia não se manifestou e na noite de quarta, publicou o Decreto que reajusta as passagens, que não subiam desde 2019.

O aumento da tarifa de ônibus de R$ 4,50, para R$ 5 já está valendo nesta quinta-feira (21) em 10 cidades da Grande São Paulo.

A Capital aguarda a votação do projeto de lei pela Câmara. Os prefeitos argumentam que o aumento tornou-se inevitável em razão da falta do socorro financeiro da União para bancar a gratuidade dos idosos. Um projeto de lei, que prevê esse auxílio aos Municípios e tramita no Congresso Nacional desde 2021, foi aprovado no Senado mas a sua tramitação travou na Câmara dos Deputados.

Vejam tambem: 

TRANSPORTE MUNICIPAIS: ITAPEVI ,CARAPICUIBA, OSASCO, já anunciaram o aumento da tarifa de ônibus!.





Por: Carlinhos Aniceto , com informações Midias Locais

Cartão TOP já é aceito em ônibus municipais de Taboão da Serra

Passageiros do sistema municipal de ônibus já podem usar o Cartão TOP nos ônibus municipais de Taboão da Serra, na Grande São Paulo. Por e...

Postagens mais visitadas